sábado, 7 de julho de 2012

Sinopse do Futebol Inglês - Entenda o contexto dos ingleses e veja quem são os maiores clubes da Inglaterra, bem como os mais vitoriosos, as maiores torcidas, os principais clássicos e muito mais

O futebol inglês pode não ser um dos melhores ou mais bonitos do mundo, mas continua sendo um dos mais charmosos e importantes do planeta bola, afinal de contas, foram os ingleses que inventaram o Futebol. A escola inglesa de jogar evoluiu e continua sendo uma das mais importantes, apesar de possuir um único título expressivo no longínquo ano de 1966, quando venceram sua única Copa do Mundo. 

Muito embora a seleção inglesa de futebol não seja de fato uma grande potência, por um outro ponto de vista, o futebol inglês se mostra como um grande protagonista e um dos mais fortes e prestigiados do mundo. E qual seria esse ponto de vista? O dos clubes ingleses!

A Inglaterra é sede de alguns dos mais ricos e poderosos clubes do planeta, possui a liga nacional mais assistida e rentável do mundo - English Premier League -, o que nos motivou a estudar e entender um pouco mais sobre esse contexto britânico. 

Futebol e a preferência nacional

O futebol é o esporte mais popular do Reino Unido, e disparado o que movimenta o maior número de pessoas e de cifrões de euros. Apesar de ter uma população não tão grande (em torno de 60 milhões de habitantes) e de centenas de clubes com torcida fidelizada (tornando a popularidade dos clubes bem diluída), a média de público do Campeonato Inglês é a segunda maior do mundo, atrás apenas da Alemanha, que conta com uma população bem maior e com estádios relativamente maiores.  Proporcionalmente ao tamanho das torcidas, talvez os clubes ingleses sejam aqueles que mais levam público aos estádios. 

Em 2010, por exemplo, a Segunda Divisão da Premier League inglesa teve a sétima maior média de público de todas as ligas de futebol do mundo, com mais de 18 mil torcedores por jogo, ficando a frente inclusive da Série A do Brasileirão que na época possuía a média de 17 mil pagantes, como podemos ver aqui

Além da preferência dentro da Grã-Bretanha, os clubes ingleses despertam ainda um interesse imenso em varias regiões do planeta, sobretudo na Ásia e Oriente Médio. A English Premier League é campeã de popularidade, fazendo de Manchester United, Liverpool, Arsenal e Chelsea clubes fortíssimos a nível mundial, com mercado aberto para faturarem milhões de euros todos os anos.

Maiores da Inglaterra

Na Inglaterra, assim como em qualquer outro país, existe um grupo de clubes tidos pela opinião pública como maiores na atualidade, ou seja, os chamados clubes grandes. É importante salientar que neste país o futebol é tão importante que a fidelidade do torcedor com o clube da sua cidade ou região é muito forte. E clube que possui mercado e suporte regional, naturalmente tem condições para se destacar e estar entre os melhores, mesmo que seja por um curto período da história. Talvez por isso, o Campeonato Inglês tenha passado por tantas mudanças de domínio ao longo dos tempos. Em determinados períodos da história, um grupo diferente de clubes disputou a hegemonia momentânea da Inglaterra, ou seja, passaram um determinado período dominando e conquistando títulos importantes e em sequência. Muitos desses clubes acabaram entrando em declínio em razão do surgimento de novas potências, mas ainda continuam com um grande status e uma grande história. 

Portanto, não é raro vermos clubes que hoje não ostentam de grande prestígio, ainda serem considerados como clubes grandes e importantes. Com a mudança nos rumos do futebol, hoje possui mais prestígio aqueles clubes que conseguiram se firmar nos últimos anos com mais recursos financeiros ou que tiveram suas ações compradas por milionários oriundos do Oriente Médio, Rússia, Estados Unidos etc. interessados em levar o futebol como um grande negócio, como de fato é. Por isso, para definir quem é grande na Inglaterra e quem não é, geralmente levam em conta determinados fatores, como história de conquistas, constância na primeira divisão, popularidade e poder econômico atual.

No contexto inglês, consideram-se "grandes", de um modo geral, os clubes das mais importantes regiões metropolitanas da Inglaterra - Londres, Manchester, Birmingham e Liverpool -. São os seguintes clubes:

Londres: Arsenal, Chelsea e Tottenham Hotspur

Manchester: Manchester United e Manchester City

Liverpool: Liverpool e Everton

Birmingham: Aston Villa

E consideram como "grandes com ressalvas" ou "médios tradicionais" outros clubes de alguns centros isolados, em razão de história, títulos e/ou popularidade, mas que por algum motivo, principalmente ausência de constância na primeira divisão, acabaram perdendo prestígio a ponto de não figurarem mais entre o grupo dos clubes mais bem sucedidos e de maior representatividade da Inglaterra. São eles:

Londres: West Ham

Newcatle: Newcastle United

Leeds: Leeds United

Sheffield: Sheffield Wednesday 

Sunderland: Sunderland

Voltando ao assunto "grandes da Inglaterra", como podemos perceber, costumam-se tratar oito clubes como grandes, justamente os 8 times dos quatro maiores centros da Inglaterra (Londres, Manchester, Liverpool e Birmingham). Mas se levarmos em conta apenas a atualidade, bem como o potencial econômico atual dos clubes ingleses, a popularidade nacional e internacional das marcas, além da própria regularidade e competitividade nas últimas edições da Premier League e competições europeias, os afirmadamente grandes da Inglaterra se reduzem a apenas quatro: Manchester United, Liverpool, Chelsea e Arsenal. Manchester City e Tottenham despontam com muito potencial para fazer parte desse seleto grupo de gigantes nos próximos anos, mas por hora, ainda não estão no patamar dos quatro maiores.

Principais cidades

O mapa ao lado ilustra as principais regiões metropolitanas da Inglaterra, onde se localizam os principais clubes da Terra da Rainha.

Londres - É a capital da Inglaterra, maior e mais importante cidade do país. Conta com uma população de 8,2 milhões na área urbana e uma macrorregião que concentra 13 milhões de habitantes. Londres é a cidade sede de quatro clubes importantes, que possuem uma significativa representatividade na cidade: Arsenal, Tottenham Hotspur, Chelsea e West Ham United. Mas se destacam também outros pequenos tradicionais como Fulham, Queens Park Rangers, Crystal Palace e Millwall. Falaremos mais dos locais de cada clube mais a frente, dentro do subtítulo "Torcidas".

Birmingham - É a segunda maior cidade da Inglaterra, com mais de 1 milhão de habitantes. Sua região metropolitana possui 2,3 milhões de pessoas e só é menor que a Grande Londres e Grande Manchester. A cidade é representada por um grande e um pequeno clube: Aston Villa e Birmingham City, respectivamente.

Manchester - É a segunda maior conurbação do Reino Unido. A cidade de Manchester tem apenas 500 mil habitantes, mas a região metropolitana (Greater Manchester ou Grande Manchester) concentra cerca de 2,6 milhões pessoas. Os dois clubes que dividem as atenções da cidade são Manchester United e Manchester City. O fato curioso é que o "primo rico" da cidade, o United, na verdade não possui sua sede especificamente na cidade de Manchester. O Manchester United é do município vizinho de Trafford, de apenas 212 mil habitantes, onde fica também o estádio Old Trafford e a maior concentração de torcedores do United da região metropolitana. Já o City, possui sua sede na cidade de Manchester propriamente dita.

Liverpool - A cidade de Liverpool possui apenas 450 mil habitantes e uma conurbação urbana denominada Merseyside com cerca de 1,3 milhão de pessoas. É apenas a quinta maior região metropolitana da Inglaterra, mas que concentra dois dos mais importantes clubes do país: Liverpool e Everton.

Outras cidades importantes - Destaque ainda para Newcastle, no extremo norte do país (região conhecida como Tyne and Wear, com 1,1 milhão de pessoas) onde se situa o Newcastle United, e Leeds (município da região metropolitana West Yorkshire, com 2,1 milhão de habitantes e vizinha da Grande Manchester) onde se sedia o Leeds United, um rival local dos clubes de Manchester.

Maiores torcidas da Inglaterra

Não é segredo para ninguém que os gigantes europeus possuem milhões de torcedores, admiradores e simpatizantes mundo afora, estando os clubes ingleses num patamar ainda superior aos clubes italianos, espanhóis e alemães, uma vez que a English Premier League é a liga nacional mais difundida do mundo. Clubes como Manchester, Arsenal, Liverpool e Chelsea possuem milhões de fãs espalhados pelo planeta, principalmente na Ásia, em países bastante populosos como Índia, Indonésia, Tailândia, China e outros. Por exemplo, pouca gente sabe, mas no Facebook (que tornou-se nos últimos anos um dos principais parâmetros de popularidade mundial entre os grandes clubes europeus) a cidade que concentra o maior número de fãs dos 4 principais times ingleses é Bangkok, capital da Tailândia. Sim, a cidade com o maior número de gunners (forma como são chamados os torcedores e simpatizantes do Arsenal), por exemplo, não é Londres, e sim a remota Bangkok, ou Banguecoque, se preferirem. Como se sabe, o mercado e a capacidade de penetração das marcas inglesas em países com pouca tradição no futebol é muito forte e superior aos clubes de qualquer outro país, exceto casos isolados como Real Madrid, Barcelona e Milan. Em um levantamento publicado pelo site português Futebol Finance, os clubes ingleses lideram o ranking de popularidade mundial em 2012 medido através do Facebook. É verdade que os espanhóis chegam perto (quase exclusivamente com as forças de Real Madrid e Barcelona), mas em quantidade diferente de clubes com número significativo de fãs, fica clara a superioridade dos ingleses, com quatro clubes possuindo 10 milhões ou mais de fãs na rede social.

Outro dado impressionante é o de uma pesquisa recente da empresa britânica Kantar, da qual participaram 54 mil pessoas de 39 países. O Manchester United foi considerado o clube mais popular do mundo, com cerca de 659 milhões de fãs, desses, 325 milhões de simpatizantes só na Ásia. Pesquisas como esta é que fazem o Manchester United ser considerado como a maior marca do mundo, entre clubes de futebol, pela Forbes. Com informações da Revista Exame.

Entretanto, na Seção de clubes internacionais do Sinopse do Futebol, as torcidas são demonstradas apenas dentro do seu âmbito local. Dessa forma, abordaremos apenas a popularidade dos clubes dentro da Inglaterra e Reino Unido.

Cabe destacar que pesquisas de torcida não são muito comuns na Inglaterra. Os institutos se concentram mais em pesquisas para avaliar o consumo e hábitos de cada torcida do que a quantidade de torcedores comparativa com os demais clubes, fato comum em países como Brasil, Argentina e países latinos. Na Grã-bretanha as torcidas são bastante fidelizadas ao clube local (da sua cidade ou região). Dentre os países mais tradicionais, a Inglaterra talvez seja o que apresenta a melhor distribuição percentual de torcida em relação à população do país. Não há um grande domínio de torcedores de nenhum clube, as torcidas são bastante diluídas, face ao grande número de clubes tradicionais no país. Se pegarmos Londres como exemplo, existem dezenas de times, de diferentes bairros, com quantidade significativa de torcedores fidelizados, não importando que o clube esteja na primeira ou quarta divisão da Inglaterra. A diluição de torcida é algo impressionante e característico da capital inglesa, muito embora não impeça que 3 ou 4 clubes se destaquem e concentrem uma quantidade um pouco maior que os demais. 

Isto posto, vamos aos números...

Manchester United e Liverpool são as torcidas mais nacionais

Os clubes ingleses que possuem as torcidas mais nacionais da Inglaterra são Manchester United e Liverpool, clubes com sede na segunda e quarta maior cidade da Inglaterra, respectivamente. Essa informação foi verificada através de pesquisas como a de um canal de Tevê pago da Inglaterra, a Top Up TV (noticiada em 2008 na imprensa britânica), ou da pesquisa nacional da própria Premier League da temporada 2007/08, National Fan SurveyNão deixa de ser um fato curioso que clubes de cidades menores sejam mais populares que clubes da capital Londres, com toda a sua grandiosidade, importância e influência econômica e midiática sobre o Reino Unido, Europa e mundo. Talvez isso se explique  pelo domínio de títulos desses dois clubes nos últimos cinquenta anos, atraindo mais torcedores fora de suas zonas regionais de influência; do Liverpool nas décadas de 60 a 80, e do Manchester nas décadas de 90 a atual.

Levando em conta apenas as 10 maiores torcidas da Inglaterra, veja o percentual de torcedores locais e de outras cidades/regiões da Inglaterra em relação à totalidade de cada torcida:
Clube
%  Locais
% Torcida em outras cidades
Newcastle United
76%
24%
Aston Villa
73%
27%
West Ham United
66%
34%
Tottenham Hotspur
66%
34%
Manchester City
64%
36%
Everton
55%
45%
Arsenal
53%
47%
Chelsea
49%
51%
Liverpool
22%
78%
Manchester United
20%
80%

Fonte: Canal Top Up TV, 2008.

Pesquisa de Torcida na Inglaterra

Uma pesquisa de torcida foi realizada em 2004, pelo instituto australiano Roy Morgan Research, que também possui filial em Londres, para averiguar quais seriam as maiores torcidas do Reino Unido. O resultado foi divulgado em número absoluto de torcedores, mas para padronizar com as demais pesquisas do Sinopse do Futebol, também estimamos o percentual de cada torcida, baseado no número absoluto de torcedores e na população do Reino Unido, de acordo com o censo de 2007 (mais próximo do ano em que a pesquisa foi realizada), cuja população foi estimada em aproximadamente 60 milhões de britânicos. Veja o resultado da pesquisa e o percentual estimado de torcedores dos onze clubes mais populares do Reino Unido:

Clube
Número de Torcedores no Reino Unido
Porcentagem estimada de torcida no Reino Unido
1  Manchester United
          4.209.000
7,0%
2  Liverpool
          3.133,000
5,2%
3  Arsenal
          2.652.000
4,4%
4  Chelsea
 1.485.000
2,4%
5  Tottenham
 1.240.000
2,0%
6  Newcastle
 1.159.000
1,9%
7  Leeds United
    938.000
1,5%
8  Manchester City
    886.000
1,4%
9  Aston Villa
    700.000
1,1%
9  West Ham
    691.000
1,1%
11  Everton
    628.000
1,0%

Fonte: Pesquisa do Instituto Roy Morgan, 2004.

Incluímos apenas as torcidas que atingiram o mínimo de 1% na pesquisa. Como podemos perceber, na Inglaterra existe uma distribuição de torcida mais uniforme. O Manchester United, clube mais popular, possui apenas 7,0% do Reino Unido (incluindo também Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte) e aproximadamente 8,2% da Inglaterra. Percentual pequeno se comparado a outros países. Como já foi explicado anteriormente, essa característica de torcidas diluídas pode ter relação com a quantidade enorme de clubes tradicionais e da cultura britânica de torcer pelo time do bairro ou da cidade.

Distribuição de torcida nas principais cidades

Londres

Londres é uma cidade bastante heterogênea, no que diz respeito a torcidas. Não há uma grande torcida que abocanhe uma fatia considerável da população. O clube que mais chega perto disso é o Arsenal, com participação entre 16 e 21% da população da capital, percentual relativamente modesto se compararmos às cidades de outros países com grandes clubes.

Em Londres, existem dezenas de clubes com quantidade significativa de torcida, principalmente em seus respectivos bairros e regiões. Mas isso não é regra. Alguns clubes londrinos conseguem romper essa barreira do "bairrismo" e mostram razoável popularidade mesmo em bairros distantes. E há ainda uma parcela considerável da população de Londres que torce para clubes de fora da cidade, principalmente Manchester United e Liverpool. Esses londrinos que não torcem para os times da capital são relativamente comuns e por isso sofrem com uma certa rejeição por parte dos seus conterrâneos. Costumeiramente são chamados de "glory hunters" ou em português, algo parecido como Caçadores de Glórias, por torcerem para times mais vitoriosos como Manchester United ou Liverpool. Os glory hunters do Liverpool geralmente são os londrinos que passaram a torcer pelo Liverpool nos Anos 70 e 80, período mais vitorioso do clube, enquanto a torcida londrina do Manchester United teve um crescimento mais recente na capital inglesa em razão do domínio de títulos nas últimas duas décadas.

Levando-se em conta apenas os times da cidade, os quatro clubes mais populares de Londres são Arsenal, Chelsea, Tottenham e West Ham, confirmados pelas pesquisas do Instituto Roy Morgan e do canal britânico Top Up TV. Esses quatro são os times que possuem torcedores espalhados por toda capital. Fulham, Queens Park Rangers, Crystal Palace e Millwall também possuem boa quantidade de torcida na cidade, porém, mais localizada em seus respectivos bairros e região.

Pesquisa de Torcida 1 - Londres

Clube
Nº de torcedores em Londres
% estimada em Londres
Arsenal
           1.406.000
16,5%
Tottenham
    818.000
  9,6%
Chelsea
    728.000
  8,6%
West Ham
    456.000
  5,4%

Fonte: Cálculo estimado de acordo com as pesquisas Roy Morgan, 2004 e  Top Up TV, 2008.

Uma outra pesquisa, bem mais recente (2012), que pesquisou também os torcedores de clubes não londrinos, apresentou a seguinte divisão de torcedores na capital inglesa:

Pesquisa de Torcida 2 - Londres

Clube
% de torcida em Londres
Arsenal
21%
Tottenham
13%
Manchester United
13%
Chelsea
12%
Liverpool
9%

Fonte: Pesquisa Rightmove (f), 2012.

O mapa abaixo é fruto de um levantamento de um antropólogo inglês chamado Desmond Morris. É um mapeamento de predomínio na cidade realizado em 2010. No entanto, é bom salientar que a maior extensão de área preenchida com a cor de um determinado clube não significa necessariamente que determinado time possui a maior quantidade de torcedores. O mapa só ilustra o predomínio de cada bairro ou região, mas não leva em conta fatores importantes como a densidade demográfica dos bairros, ou seja, a quantidade de pessoas que vivem em cada região da cidade. Sabe-se que, por exemplo, o norte de Londres possui uma concentração gigantesca da população londrina. E outro ponto a se ponderar é que o predomínio não significa que todas as pessoas de um bairro pintado de azul, por exemplo, torçam exclusivamente para o Chelsea. Mesmo com o suposto predomínio, nada impede que no mesmo bairro existam muitos torcedores do Arsenal, Tottenham, West Ham e outros. Resumindo, o mapa a seguir pode ser mal interpretado se não discernir esses contrapontos importantes. 


Note na legenda que o levantamento não contabilizou os torcedores de clubes de outras cidades, os glory hunters. Se considerasse, não seria impossível aparecer microrregiões com predomínio de torcedores vermelhos do Liverpool ou Manchester United.

Esse levantamento já havia sido feito há mais de 30 anos atrás, porém contabilizando apenas as quatro maiores torcidas de clubes londrinos. Veja como era o mapa de predomínio em Londres no ano de 1981:

Note que a situação não mudou muito. Arsenal e Tottenham continuam predominando no norte de Londres, o Chelsea continua sendo o preferido do oeste da cidade e que o West Ham United domina os bairros da zona leste da capital inglesa.

Por esse mapa, também fica mais fácil de compreender as rivalidades da cidade, normalmente motivadas pela proximidade de bairros rivais.

Manchester

Na cidade e região metropolitana de Manchester, que reúne cerca de 2,2 milhões de pessoas da área urbana, os clubes mais populares são obviamente Manchester United e Manchester City. Como a região é bastante grande e povoada, e fica relativamente próxima de outras duas cidades importantes (Liverpool e Leeds), não é raro encontrar na Grande Manchester alguns torcedores do Liverpool, Everton, Leeds United e de outros clubes da macrorregião.

Mas na Grande Manchester, o domínio dos times da cidade é incontestável.

Pesquisa de Torcida - Grande Manchester

Clube
% de torcida na Grande Manchester
Manchester United
56%
Manchester City
15%
Liverpool
5%
Bolton
3%
Newcastle
2%

Fonte: Pesquisa Rightmove (f), 2012.

O mapa abaixo é um levantamento do Portal Manchester Evening News, que tentou identificar as regiões de predomínio de cada torcida. 

Note que o United é mais popular nas regiões a oeste da cidade, principalmente nos municípios de Trafford e Salford, enquanto os torcedores do City são maioria no sudeste da Grande Manchester, sobretudo em Stockport. Analisando apenas o município de Manchester, que é o maior da região metropolitana com 500 mil habitantes, o estudo diz que o United é maioria no centro da cidade e que o City domina os outros bairros do município. Vale ressaltar que esse domínio por microrregiões da cidade pode ser ilusório, uma vez que os bairros onde há predomínio dos citizens podem muito bem ter domínio mínimo (próximas da proporção de 51-49%) enquanto os bairros de maioria dos red devils podem ter uma vantagem mais elástica.  Aliás, isso é até bem provável que ocorra, tendo em vista a maioria considerável  de torcedores do Manchester United na Grande Manchester demonstrada na pesquisa.

Merseyside (Liverpool)

O município de Liverpool e a região metropolitana de Merseyside não são tão populosos como Londres e Manchester, mas por possuir dois clubes grandes, sua configuração de torcidas também merece destaque.

Clube
% de torcida na cidade de Liverpool
Liverpool
66%
Everton
24%
Manchester United
3%
Manchester City
1%
Leeds United
1%

Fonte: Pesquisa Rightmove (f), 2012.

Escócia

Resolvemos incluir um subtítulo a parte para falarmos apenas das torcidas na Escócia, por envolver dois times com boa participação percentual no Reino Unido. A Escócia é um país com cerca de 5 milhões de habitantes que fica no extremo norte da ilha britânica.

A capital Glasgow concentra 2,3 milhões de pessoas em sua região metropolitana, e dois times rivais muito distintos: Celtic e Rangers. Protagonistas de uma das maiores rivalidades do mundo, motivada principalmente por questões religiosas. Enquanto os torcedores do Celtic normalmente são descendentes de irlandeses, cultuadores da região católica, os torcedores do Rangers são em sua grande maioria protestantes, das Igrejas Presbiteriana ou Calvinista. 

Veja como é a distribuição de torcida na Escócia, de acordo com a Pesquisa do Instituto Roy Morgan de 2004:

Clube
Número de Torcedores no Reino Unido
Porcentagem estimada na Escócia
1
Rangers
           1.430.000
28,6%
2
Celtic
           1.406.000
28,1%
3
Hearts
              398.000
  7,9%
4
Aberdeen
       278.000
  5,5%
5
Hibernian
       156.000
  3,1%

Fonte: Pesquisa do Instituto Roy Morgan, 2004.

Rivalidades e Rejeições

De um modo geral, o Manchester United é o clube de maior rejeição da Inglaterra. Outro clube que cresceu bastante nos níveis de rejeição foi o Chelsea, segundo uma pesquisa de 2003 intitulada The Football Fans Census. Já naquela época, bem antes de conquistar a Liga do Campeões em 2012, o Chelsea surpreendia como um dos clubes mais odiados do Reino Unido. 

■ Alguns dados da Pesquisa The Football Fans Census, de 2003:

- Contrariando um pouco o que se achava, 45% dos ingleses levam em consideração mais a história e tradição do adversário para justificar a rivalidade, enquanto 35% dos entrevistados  justificam o rival por questões locais, bairrismo e geografia.

- Entre os torcedores do Liverpool, o Manchester United é considerado o maior rival, seguido de Everton e Arsenal, respectivamente. 

- Entre os torcedores do Everton, o grande rival é o Liverpool, e só depois o Manchester United.

- Entre os torcedores do Manchester United, o maior rival é o Liverpool. O segundo grande rival já era o Manchester City, mesmo em 2003. O Arsenal completa a lista dos 3 maiores rivais dos Diabos Vermelhos.

- Entre os torcedores do Manchester City, como não poderia deixar de ser, o grande rival é o United. Completam a lista o Liverpool como segundo principal rival e o Bolton em terceiro.

- Torcedores de Newcastle United e Sunderland alimentam uma rivalidade recíproca, sendo um considerado o maior rival do outro e vice-versa. 

- Entre a torcida do Leeds, o Manchester United é o principal rival, talvez por causa da proximidade das cidades.

- E em Birmingham, Aston Villa e Birmingham City são tidos como o maior rival para os torcedores de ambos os clubes da cidade.

Para falar sobre as rivalidades dos clubes londrinos, encontramos um estudo mais recente publicado em 2009 pela mesma Football Fans Census.

■ Dados da Pesquisa Football Fans Census, de 2009 publicada no Jornal Daily Mail, sobre as torcidas de Londres:

- Entre os torcedores do Arsenal, quando perguntados sobre "Quem você considera o maior rival?", 32% responderam Tottenham Hotspur, outros 32% responderam Chelsea, e para 15% dos entrevistados o maior rival é o Manchester United. Apesar da famosa rivalidade do norte de Londres, percebe-se que o Chelsea já divide o posto de maior rival dos "gunners" em Londres.

- Entre os torcedores do Tottenham Hotspur, a rivalidade local continua falando mais alto. O Arsenal é o maior rival para 67% da torcida, maioria esmagadora. O Chelsea é o principal rival para 23% deles, enquanto o Manchester United foi citado por 5% da torcida. West Ham também está no hall de maiores rivais do Tottenham.

- Entre os torcedores do Chelsea, não há uma conclusão sobre qual seja o maior rival. Segundo os dados de 2009, o Liverpool foi apontado como maior rival pelos "blues" com uma surpreendente porcentagem de 52%, seguido de Manchester United e Tottenham. Em 2003, a pesquisa apontou que o Arsenal era tido como maior rival para os torcedores do Chelsea, seguidos de Tottenham e Manchester. É a torcida que mais variou nos resultados. 

- Entre os torcedores do West Ham, a surpresa é saber que em 2009 o Millwall não foi considerado o maior rival do clube, pelo menos para a maioria dos torcedores do Ham. Apesar da famosa rivalidade entre hooligans das duas equipes, os maiores rivais dos torcedores do West Ham são Tottenham (47%) e Chelsea (23%), muito embora na pesquisa de 2003, o Millwall tenha sido o mais citado como "maior rival" do West Ham, seguido de Tottenham e Chelsea.

- Entre as equipes menos tradicionais de Londres, destacamos a torcida do Millwall, que considera o West Ham como seu grande rival; a torcida do Fulham e também do Queens Park Rangers que consideram o Chelsea como seu maior rival, talvez pelo fato de serem de bairros vizinhos, todos na zona oeste da cidade.

Clubes ingleses e a mídia

Como já foi dito, o Campeonato Inglês é a liga nacional de futebol de maior visibilidade do planeta.  A Premier League é transmitida para mais de 600 milhões de pessoas em mais de 200 países, inclusive no Brasil, onde regularmente há canais de TV aberta e fechada transmitindo os principais jogos (os últimos foram Rede TV! e ESPN Brasil, atualmente pertence à Fox Sports Brasil). O mercado dos clubes ingleses é vasto em diversos países do mundo, sobretudo países da Ásia, Oriente Médio e África. Outra característica da Inglaterra são as dezenas de tabloides famosos e de repercussão internacional, ajudando na difusão das marcas inglesas. 

Os clubes que despertam maior atenção da mídia britânica são os times das principais cidades, naturalmente. Arsenal é o campeão de exposição em Londres, embora Chelsea e Tottenham tenham grande espaço na mídia londrina. Liverpool e Manchester United não ficam muito atrás. Abocanham boa parte dos noticiários em Londres e estão sempre em evidência no rico noroeste da Inglaterra. Entre as transmissões de jogos de TV aberta para o Reino Unido, os clubes mais transmitidos são Manchester United, Arsenal, Liverpool, Tottenham e Chelsea, nesta ordem. Nas transmissões internacionais, os mais requisitados pelas tevês internacionais são Manchester United, Arsenal, Chelsea e Liverpool. A ordem geralmente depende de quem estiver brigando pelo título. Mais recentemente o Manchester City entrou para o grupo de clubes ingleses mais transmitidos tanto para o Reino Unido como para o exterior.

Na Inglaterra, os canais que detém os direitos de transmissão da Premier League são a Sky Sports, ESPN International (britânica) e o canal BBC de Londres.

Cotas de Tevê - A temporada de 2010/11, foi a primeira do novo contrato de exploração dos direitos televisivos da Premier League negociados coletivamente (1,165 bilhão de euros por temporada) permitindo aos clubes uma cota superior ao das temporada anteriores. A partilha havia sido de 50% da receita dividido igual entre os clubes, 25% com base em desempenho e 25% em audiência. Já na temporada 2011/12, houve nova mudança. Um montante recorde de 1,055 bilhão de libras (1,321 bilhão de euros) divididos da seguinte forma:

- 70% é dividido em partes iguais por todos os clubes, 
- 15% é dividido com base no desempenho das equipes (o primeiro classificado recebe 20 vezes o valor do último), 
- 15% é distribuído de acordo com as audiências televisivas e o número de jogos transmitidos na TV (existe um limite mínimo de dez jogos para cada clube).

As receitas internacionais são também repartidas equitativamente por todos os clubes. E esse valor não é pouco... Uma pesquisa feita pela SportPar, especializada na análise do mercado esportivo, revela que a Premier League é a liga campeã de vendas no exterior, com 746,7 milhões de dólares arrecadados pelos clubes, seguido dos campeonatos Espanhol (202,2 milhões de dólares) e Italiano (121,3 milhões de dólares). A mesma pesquisa diz que o Brasileirão rende apenas 4 milhões de dólares com jogos no exterior. Com informações do Futebol Finance e Radar online da Veja.

Voltando às cotas de TV dos clubes ingleses, a temporada 2011/12, que consagrou o Manchester City como campeão, rendeu os seguintes valores em libras:



























* O total não bate com o valor de 1,055 bilhão de libras pois não somou os valores dos principais clubes da divisão de acesso.


Patrocínios - Em relação aos valores de patrocínios dos times ingleses, os clubes da Premier League continuam na liderança mundial, com 128 milhões de euros arrecadados na temporada 2011/12, um pouco a mais que os 121 milhões de euros dos clubes alemães da Bundesliga, embora na média os times alemães superem os ingleses.

Os maiores valores de patrocínio máster da Inglaterra, pelo menos até a temporada 2011/12 são:

Liverpool (Standard Chartered Bank  22,5 milhões de euros) 
Manchester United (AON – 22 milhões de euros)
Manchester City (Etihad – 22 milhões de euros)
Chelsea (Samsung  12 milhões de euros)
Tottenham Hotspurs (Autonomy  10 milhões de euros)
Arsenal (Emirates  6,6 milhões de euros + participação no Naming do Emirates Stadium)

Clubes mais vitoriosos da Inglaterra

Os maiores clubes da Inglaterra no quesito títulos são Manchester United e Liverpool. Dois multicampeões do Campeonato Inglês e da Liga dos Campeões da Europa (Uefa Champions League). Em se tratando de Mundiais Interclubes, um único clube inglês se destaca: Manchester United, com dois triunfos (1999 e 2008) e um vice em 1968. Nenhum outro clube inglês conquistou este título. O Liverpool coleciona três vices (1981, 1984 e 2005).

Campeonato Inglês: A atual denominação do Campeonato Inglês de Futebol é English Premier League. A Premier League inglesa é disputada desde a temporada 1992/1993, em sistema de turno e returno por 20 clubes da Inglaterra e País de Gales. Atualmente, os quatro primeiros ganham vaga na Liga dos Campeões e o quinto vai direto para a Copa da Uefa. O Manchester United domina com folgas na Era Premier League, com 12 conquistas. Os que mais se aproximam são Chelsea e Arsenal, com apenas 3 títulos cada.

No entanto, o Campeonato Inglês já existia muito antes da Premier League ser introduzida. Anteriormente conhecido como The Football League (A Liga de Futebol Inglesa), é considerado o Campeonato Nacional mais antigo do mundo, disputado desde o século XIX. A primeira temporada do Campeonato Inglês foi disputada em 1888/1889, em sistema de pontos corridos, portanto, a mais de 120 anos atrás. O primeiro campeão inglês foi o Preston North End, em um campeonato repleto de clubes alternativos. Dos chamados "grandes", apenas Everton e Aston Villa participaram da primeira temporada.

Na temporada 1892/1893 criaram a segunda divisão e o sistema de rebaixamento. O sistema de disputa, de um modo geral, teve poucas mudanças em seu formato ao longo das décadas, apesar da considerável variação na quantidade de clubes e número de jogos de cada temporada. O Campeonato não foi realizado entre 1940 e 1945 por causa da Segunda Guerra Mundial. Considera-se Football League os campeonatos compreendidos entre as temporadas de 1888/89 até 1991/92, quando enfim o Campeonato Inglês se transformou em Premier League, com um modelo muito mais atrativo, racional e rentável para os clubes.

Veja o quadro com a quantidade total de títulos Ingleses (1888/89 - atual) e também de títulos da Liga dos Campeões da Europa (Uefa Champions League):

Clube
Nº de Títulos Campeonato Inglês
Nº de Liga dos Campeões da Europa
Manchester United
20
3
Liverpool
18
5
Arsenal
13
-
Everton
9
-
Aston Villa
7
1
Sunderland
6
-
Chelsea
4
1
Manchester City
4
-
Newcastle
4
-
SheffielWednesday
4
-
Leeds United
3
-
Blackburn Rovers
3
-
Tottenham
2
-
Nottingham Forest
1
2

* Dentre os clubes com 3 ou menos Campeonatos Ingleses, apenas os mais tradicionais foram citados, em virtude da enorme gama de clubes sem expressão atual com 1 e 2 títulos no currículo.

Maiores Clássicos da Inglaterra

North West Derby ou Clássico do Noroeste refere-se a Manchester United x Liverpoolo clássico entre os dois maiores clubes da Inglaterra no quesito títulos e popularidade. A rivalidade vai além da disputa hegemônica, uma vez que ambas as cidades fazem parte da mesma região no Noroeste Inglês, separadas por apenas 70 Km. A disputa  entre as torcidas também tem um pouco de cunho bairrístico, desde os tempos industriais, quando as duas cidades disputavam o posto de principal cidade do Noroeste: Liverpool por causa do seu porto e Manchester por suas indústrias. Apesar de ambos possuírem rivais locais em suas respectivas cidades, tanto para torcedores do Manchester como para torcedores do Liverpool, este é considerado o duelo mais importante e esperado. 


North London Derby ou Clássico do Norte de Londres é o clássico entre Arsenal x Tottenham, tido como o jogo mais importante e tradicional de Londres, que envolve ainda as duas maiores torcidas da capital britânica. A rivalidade é tipicamente londrina, motivada pela vizinhança na populosa região norte de Londres. Enquanto o Tottenham Hotspur é do bairro de White Hart Lane, o Arsenal fincou raízes em Highbury, a apenas 4 km da sede do clube alvi-negro. Embora os torcedores do Arsenal tenham Chelsea e Manchester United como outros grandes rivais da atualidade, o tradicional rival histórico continua sendo o Tottenham. Já para a maioria esmagadora dos torcedores do Tottenham não há dúvidas: o rival eterno é o Arsenal.

Merseyside Derby ou Clássico de Merseyside é o clássico entre Liverpool x Evertonconfronto que já foi mais importante em um passado recente. Porém, a rivalidade continua bastante aflorada, principalmente pelo lado dos torcedores do Everton, que veem o Liverpool como o maior rival. Outro fato curioso é que esse clássico também é considerado como o "mais amigável" da Inglaterra, pois as duas torcidas tem a cultura de assistir aos jogos juntas, sem nenhum tipo de confusão ou brigas, prezando pela rivalidade sadia, em um ambiente bem familiar. Esse clássico pára a cidade de Liverpool e a região de Merseyside.

- Manchester Derby ou Derby de Manchester é o clássico entre Manchester United x Manchester City. Diferente do clássico de Merseyside, o clássico de Manchester não tem nada de amigável. Apesar da unilateralidade de forças e do fato dos torcedores do United acharem o Liverpool o maior rival, a cidade possui uma clara divisão, sem espaço para simpatias de parte a parte. A rejeição do United pelos torcedores do City é uma das mais destacadas da Inglaterra. O confronto, que havia perdido destaque durante muito tempo, voltou com tudo após o ressurgimento do Manchester City e hoje volta a ser uma das maiores rivalidades do Reino Unido. A Grande Manchester se divide em azul e vermelha em dias de clássico, apesar da proporção de torcida do United ser razoavelmente maior na região metropolitana.

- London South vs East London Derby é o clássico entre Millwall x West HamEste é o clássico mais violento de Londres e da Inglaterra. Apesar do Millwall ser um pequeno clube de Londres, possui uma torcida bastante fanática e territorialista, na região sul de Londres (sudeste da cidade, mais precisamente). O West Ham também não é muito bem sucedido em títulos, mas tem uma torcida bastante numerosa em Londres, principalmente na zona leste da cidade, onde fica sua sede. A rivalidade nasceu do territorialismo e porque ambos foram fundados por grupos rivais de estivadores: segundo consta, trabalhadores de Millwall quebraram um acordo de greve entre os estivadores da região do Tamisa, e a suposta traição é considerada como uma das grandes razões para a antipatia histórica. Enquanto um clube foi fundado na região de Isle of Dogs (Millwall), o outro é oriundo de um bairro a 5 km dali, do outro lado do Rio Tamisa. O Tamisa, que aliás, é símbolo da própria rivalidade, uma vez que separa o território das duas torcidas: a região leste de Londres, dominada pelo West Ham United, e a região sudeste de Londres, território do Millwall. Por se tratar da rivalidade mais intensa, este clássico já foi tema de vários filmes e documentários.

- Outros grandes clássicos de Londres: Arsenal x Chelsea Tottenham x Chelsea também ganharam status de grandes clássicos londrinos em razão do crescimento do Chelsea de 2004 em diante. O Chelsea, que já era a terceira maior torcida entre os clubes de Londres, passou a ser considerado como um dos maiores rivais de Arsenal e Tottenham, mesmo não pertencendo a região norte da capital inglesa. A própria torcida do Chelsea não nutre grande rivalidade pelos vizinhos da zona oeste de Londres (Queens Park Rangers, Brentford e Fulham), preferindo rivalizar com os dois grandes do norte londrino.

- West London Derby ou Derbys do Oeste de Londres é como referem a qualquer confronto envolvendo Brentford, Chelsea, Fulham e Queens Park Rangers. No entanto, para a torcida do Chelsea, na atualidade, os grandes rivais da cidade são Arsenal e Tottenham.

Tyne-Wear derby é o clássico entre Sunderland x Newcastle, disputado no nordeste inglês. É uma rivalidade local muito forte e mútua entre os clubes e cidades.

-  Second City derby é o clássico entre  AstoVilla Birmingham Cityque envolve os dois times da importante cidade de Birmingham.

51 comentários:

  1. Cara, meus parabéns. Sensacional essa sua matéria, li do começo ao fim. Muito bem escrita, muito interessante, fiquei bem informado sobre o futebol o inglês. Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Sensacional!
    Parabéns pelo trabalho. Grande matéria ! da pra ter uma ideia legal do que acontece nos clubes ingleses ! exepicional !

    ResponderExcluir
  3. Seu site é fantástico! vc é o cara! abraços!

    ResponderExcluir
  4. Muito Bom , Parabéns pelo Post.
    valeu apena o click !!
    Muito GRATO !!

    ResponderExcluir
  5. Espetacular. Sou fã da Premier League e estou encantado com essa matéria. Parabéns

    ResponderExcluir
  6. Sensacional!!! Muito boa a matéria. Esclareceu todas as minhas dúvidas sobre o futebol inglês.

    ResponderExcluir
  7. A matéria está fantástica,parabéns! Apenas para complementar uma parte,pra torcida do Leeds o maior rival é o United pelo fato da famosa guerra entre Yorkshire e Lancashire. Tanto que até hoje o jogo entre essas duas equipes é chamado de "The Roses Rivalry". Antes da decadência do Leeds e da popularização do United,era um dos maiores clássicos da Inglaterra.

    ResponderExcluir
  8. Caraca!!! bela pesquisa!! excelente!! na Inglaterra eu gosto mais do Chelsea e depois do Newcastle(Magpies!!!)

    ResponderExcluir
  9. monstrso cara teu site

    ResponderExcluir
  10. Nossa! Incrivel! Belo Post! Gostei muito. COME ON UNITED!

    WEST HAM UNITED! UNITED!

    ResponderExcluir
  11. Derby não tem um título inglês?

    ResponderExcluir
  12. O wolverhampton tem 3 titulos ingleses.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade, existem mais clubes com 3, 2 ou 1 título inglês, que ficaram ocultados, para não deixar a tabela muito extensa. Alguns, nem existem mais, outros existem, mas estao esquecidos na 2ª. 3ª ou 4ª divisão.

      O foco do material, na verdade, era apenas falar das curiosidades dos maiores clubes, dos mais tradicionais. São esses que aparecem na tabela.

      Excluir
  13. esse foi a melhor materia sobre torcida qui ja li na vida PARABENS
    DA-LHE ARSENAL

    ResponderExcluir
  14. Cara, meus parabéns pelo trabalho feito.

    Impressionante!

    ResponderExcluir
  15. Muito boa a matéria das torcidas da Inglaterra, mostra a rivalidade em várias cidades, e até no interior delas, análise profunda das torcidas!!! Parabéns cara, nota 10!!!

    ResponderExcluir
  16. Cara, parabéns, vi que a torcida do West ham pode não ser tão grande assim, mas é uma das mais fanáticas, é por esse motivo que gosto do west ham, não levo em consideração, títulos como os tais "Glory Hunters", gosto pela história, pela paixão que eles têm pelo clube do bairro.

    NOTA 10!!!!!!!!!!!!

    I'm forever blowing bubbles,
    pretty bubbles in the air
    They fly so high, they reach the sky
    And like my dreams they fade and die
    Fortune's always hiding,
    I've looked everywhere
    I'm forever blowing bubbles,
    pretty bubbles in the air
    United! United!

    Come on United!!!!! West ham Till I Die!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  17. Parabéns pela matéria, brother!
    Futebol também é cultura!!!

    ResponderExcluir
  18. Se o Tottenham é alvinegro, a rainha da Inglaterra é verde limão. É Navy Blue mano!

    ResponderExcluir
  19. Essa matéria está show gosto muito do futebol inglês e seu torcedor do Reading!!!

    ResponderExcluir
  20. Sensacional esse seu post, sensacional msm!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  21. o melhor futebol INGLES!

    ResponderExcluir
  22. o man.unt sera sempre o melhor

    ResponderExcluir
  23. Parabens!
    matéria sensacional

    ResponderExcluir
  24. Eu sou muito fã do Futebol inglês, Os clubes ingleses são demais, SOU TORCEDOR DO LIVERPOOL!

    ResponderExcluir
  25. E nois FORÇA NEWCASTLE!!!!!

    ResponderExcluir
  26. futebol ingles é tradicao, rivalidade, historia e cultura. o time que vc torce mostra quem vc é, principalmente as suas origens.
    nao se baseia muito no modismo de torcer pra times vitoriosos, e sim, torcer pelas suas raizes. assistir um jogo do suderland, newcastle, milwall ou west ham, mostrara que torcer nao se resume a vitoria e sim, ao espirito da origem de cada um.

    parabens, brilhante materia que nos tempos modernos de globalizacao, é essencial mostrar a singularidade de cada cluster. pena que aqui no brasil, e principalmente argentina, que é riquissima na antiguidade e diversidade geografica dos times como na inglaterra, as torcidas se concentraram em times nacionais do boca e do river.

    ResponderExcluir
  27. Pra mim o futebol inglês é disparado o mais interessante do mundo. Torço para o Manchester City.
    Parabéns pela matéria! Sensacional!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. C' Moon City ! Manchester City ainda vai crescer muito, muitos acham que o Sheik Mansour só gasta dinheiro mas estão errado eles mudou a Administração, a categoria de Base contruiu um dos melhores CT do mundo, e o projeto que é ser um dos maiores clubes, estamos primeiro na Inglaterra para depois ir para Europa !

      Excluir
  28. Parabéns mano, sou Moçambicano, pois aqui está se acrescentado cada vez mais o número de amantes desta Liga(A melhor do mundo) o Manchester United éo clube com mais adeptos aqui em Moçambique, e dizer que a matéria feita por si foi muito bem feita, é um trabalho escrever isso tudo, eu li esta matéria do iniciou ao fim, consegui tirar muitas dúvidas que eu tinha acerca dessa Liga, as rivalidades, o amor que os adeptos tem pelas equipas, isso é constrangedor, Continua assim ;)
    Go Arsenal, Gunner 4ever!

    ResponderExcluir
  29. eu sempre li que na cidade de Manchester e sua região metropolitana a torcida do City é maior que a do united...mas,muito fera a matéria!!!valeu...

    ResponderExcluir
  30. Muito bom, otimo para quem quer saber/entender sobre o contexto do futebol ingles, que continue assim em 2014. Congrulations!

    ResponderExcluir
  31. espetacular essa matéria........
    muito bem escrita e com uma riqueza de detalhes muito grande.
    Foram sanadas todas as minhas dúvidas com relação ao futebol inglês
    Parabéns pelo excelente trabalho !!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns pela matéria. Vamos Tottenham!

      Excluir
  32. Também gostaria de elogiar a matéria! Terrific!!

    Go REDS!!

    ResponderExcluir
  33. muito boa a matéria , aprendi muito

    ResponderExcluir
  34. Uma matéria fantástica, muito bem redigida e repleta de informações e curiosidades. Você merece os parabéns por este trabalho. Gosto do Chelsea, mas prefiro o Man City.

    ResponderExcluir
  35. Putz cara! parabéns muito boa sua materia completissima!

    Da-lhe Magpies!

    ResponderExcluir
  36. Ótima matéria, meus parabéns.

    ResponderExcluir
  37. amei o post! Sempre quis entender melhor porque meu namorado é fissurado pelos campeonatos europeus e eu não entendia o porque. Eles são muito mais organizados e é uma super tradição. Tirei algumas horas para ler tudo porque era muita coisa de uma vez só, mas estão de parabéns por escrever um texto tão completo! Obrigada pela ajuda ;)

    ResponderExcluir
  38. Melhor matéria que li na minha vida! Parabéns.

    ResponderExcluir
  39. Exelente, belo trabalho!

    ResponderExcluir
  40. Mto boa a matéria!!! Go Liverpool!!! Go Man United!!! Go West Ham!!! Go Newcastle!!! Go Arsenal!!!..... Meu deus...é mto time q eu gosto nessa liga!!! A melhor

    ResponderExcluir
  41. Parabéns, muito boa sua matéria.

    Go, Gunners!

    ResponderExcluir
  42. parabens cara, excelente materia . explicando detalhadamente a historia dos clubes ingleses em relação a marketing, transmissao e glorias

    por falar em gloria : Glory Glory United ! eu sou um Red Devil

    ResponderExcluir

ATENÇÃO: Publicaremos preferencialmente os comentários não-anônimos. Comentários anônimos desrespeitosos poderão ser censurados.